O anti-herói

Documentário narra a controversa saga do surfista Dadá Figueiredo

por Lucas Conejero, 25/04/2017
follow

No fim dos anos 1980, começo dos 1990, para os caras do subúrbio carioca, Dadá Figueiredo não passava de um playboy. Para os playboys da zona sul, era um maluco, subversivo.

Mas a história do surf brasileiro é categórica e não hesita. Nela, ele figura como principal referência do surf-punk e o maior (anti) ídolo que já existiu.

Dadá não tinha rótulo, nem limites. Ele não era parecido com você, nem comigo. Ele não tinha ninguém do lado dele e nem queria ficar do lado de ninguém.

Mas tinha carisma, atitude de sobra e as pessoas queriam ficar do lado dele. Entre as boas e as más-companhias, ficava com a segunda opção.

Fora da água, misturava atitudes progressistas e agressivas. Dentro da água, mandava manobras progressivas e futuristas. Os juízes nem conseguiam julgar suas baterias direito.

Algumas de suas manobras foram ganhar nomes descolados - em inglês - muitos anos depois. Faturou alguns campeonatos, é verdade. Poucos perto do potencial que apresentava.

Como um grande jogador de futebol, foi carregado no ombro e chamado de rei nas areias de Salvador (BA). Como um punk suburbano, barbarizou muito louco uma festa de gala em que recebeu um prêmio.

Numa treta no Circo Voador (RJ), levou mais de vinte facadas de uma galera barra pesada. Se meteu com drogas, foi até o fundo do poço. Sobreviveu para contar a história.

Hoje em dia é pai de família. Comanda uma escola de surf pioneira, com centenas de alunos inscritos todos os anos. Vive em paz.

No primoroso e premiado documentário Radical: A controversa saga de Dadá Figueiredo, agora disponível na plataforma digital Netflix, o diretor Raphael Erichsen conta essa história interessante e envolvente.

Imperdível!

Ficha Técnica

Titulo original: “Radical: A controversa saga de Dadá Figueiredo”
Gênero: Documentário
Direção: Raphael Erichsen
Produção: 3FilmGroup.tv
Produção Executiva: Raphael Erichsen, Clarice Laus e Patricia Froes
Direção de Fotografia: Rodrigo Braga
Editor: Tiago Berbare
Trilha Sonora Original: Os Estudantes
Categoria: Longa-metragem
Duração: 71 minutos
País: Brasil
Distribuidora: Sofá Digital

almasurfalmasurfalmasurfalmasurf